brincadeiras retrôs

Como se divertir com as crianças com brincadeiras retrôs?

As brincadeiras retrôs ainda podem render muitos momentos felizes. Neste Mês da Criança, entre nesse mundo mágico com os seus pequenos.

Vintage e retrô são termos cada dia mais em voga, concorda? Seja na moda, na decoração, nos estilos de cabelo ou na música. Quando falamos em jogos e brincadeiras infantis, não podia ser diferente.

Afinal, antigamente era muito divertido ser criança, mesmo sem alta tecnologia, mas com muita energia e criatividade.

É hora de trazer aqueles dias incríveis de volta  – de brincar, correr, passar mais tempo ao ar livre, saltar para novas alturas e usar as mãos para pegar e lançar, em vez de deslizar e bater em telas de dispositivos eletrônicos.

Se você está em busca de brincadeiras retrôs para brincar com os seus pequenos, quer algo para passar o tempo de forma diferente ou apenas relembrar o seu tempo de criança, confira agora esta lista com três brincadeiras que preparamos para você. Vamos lá!

Amarelinha

Quem nunca brincou de Amarelinha, atire a primeira pedra. Afinal, essa é uma das brincadeiras mais populares tanto no Brasil, como no mundo.

Em linhas gerais, tudo começa com o desenho dos quadrados no chão, com números em cada quadrado que pode ir de 1 a 10. Depois, cada criança tem que jogar um pequeno objeto – pode ser uma pedrinha – em um quadrado numerado para, em seguida, pular em cada quadrado em um só pé para recuperar o objeto.

Antigamente, a gente usava giz para desenhar na calçada, mas hoje em dia brincar na rua pode não ser uma boa opção! Por isso, tente fazer uma amarelinha na sua casa ou apartamento, usando fita colorida para marcar os quadrados.

Ou, se você mora em uma casa com quintal ou condomínio com playground, vale à pena fazer esse jogo na área externa. Vocês vão amar!

Pega-pega

Pouca gente sabe, mas o pega-pega surgiu na Holanda, em 1830, e ganhou a Europa e o mundo – embora a gente jure que o jogo surgiu no Brasil.

Para esta brincadeira, quanto mais participantes, melhor. Há muitas variantes desse jogo por aqui, todos com um elemento em comum: dois tipos de jogadores, o “pegador” e os que devem ser apanhados.

Para começar, uma criança é escolhida para ser a pegadora (o que pode ser decidido no par ou ímpar) e as outras crianças devem fugir.

Depois de correr, o pegador deve pegar os jogadores por meio de um toque. A partir daí, há diferentes formas de seguir com a brincadeira.

Vocês podem decidir que:

  • Quem for tocado deve virar o novo pegador;
  • Deve ficar parado até que outras crianças o toquem para ser libertado;
  • A criança que é pega também vira Pegador e deve ajudar a pegar as outras;
  • Quando o pegador tocar uma criança, forma uma corrente com ela até pegar todas as outras;
  • Importante: sempre vence o que for pego por último.

Esconde-esconde

Assim como a brincadeira anterior, o esconde-esconde também deve ter feito parte da sua infância e conta com diferentes versões em todo o mundo.

Para você ter ideia, existe até um campeonato mundial de esconde-esconde; o “Campeonato Mundial Nascondino” é um jogo para adultos que surgiu em 2010 na cidade italiana de Bergamo e é realizado todo o verão. Em 2017, a sétima edição contou com 70 equipes de 11 países.

Pra brincar de esconde-esconde, você pode preparar um local aberto, como um sítio, ou mesmo dentro de casa (com os devidos cuidados). É muito fácil: tire no par ou ímpar quem vai contar os números, de olhos fechados, enquanto as outras crianças se escondem. Como você se lembra, é muito importante encontrar o melhor esconderijo possível e ficar bem quietinho.

Depois, cada criança que se escondeu tem que esperar a hora certa e tentar voltar ao lugar onde a primeira pessoa contou e bater no ponto de partida, falando uma frase, como: “1, 2, 3! (nome de quem bateu)” para se salvar.

O último a ser pego é o vencedor!

Divertido, não é? Faça essas brincadeiras com as suas crianças e aposto que vocês vão se divertir como nunca!

Como você viu, estas são algumas das muitas brincadeiras retrôs que fizeram parte da nossa infância.

São exemplos de jogos em grupo e incentivam as crianças a trabalhar em equipe. São brincadeiras que incentivam a cooperação e dão aos pequenos a oportunidade de gastar energia de maneiras positivas, e não apenas se jogando no sofá com videogame, celular ou tablet na mão.

Então, bora brincar! Se você curtiu nosso conteúdo, compartilhe agora mesmo com os seus amigos e amigas e continue acompanhando o blog da Sweetie. Até mais!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Sweetie 2021